Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Sovado e atirado do terceiro andar

Um jovem de 20 anos foi espancado e atirado da varanda do terceiro andar de um prédio em construção, na quarta-feira à noite, na Arrentela, Seixal.
18 de Fevereiro de 2011 às 00:30
Vítima foi encontrada com marcas na cara e descalça
Vítima foi encontrada com marcas na cara e descalça FOTO: Duarte Roriz

O cadáver foi encontrado ontem de manhã por uma mulher que levava a filha à escola. A Polícia Judiciária (PJ) de Setúbal esteve no local e já está a investigar o caso. Desconhece-se para já o número de agressores, uma vez que se puseram em fuga depois do crime.

"O rapaz estava no meio de uma poça de sangue. Não tinha sapatos e a cara estava muito marcada, mas não parecia ser da queda. Deve ter levado uma grande tareia", disse ao CM uma testemunha, que pediu anonimato.

Ao que o CM apurou, o rapaz não tinha qualquer documento, mas as autoridades já o identificaram. A investigação aponta para um ajuste de contas entre grupos, devido a rixas antigas.

Uma das moradoras disse que a presença de jovens naquele local é uma constante. "Os miúdos, no final das aulas, passam ali muito tempo. Várias vezes a Polícia é chamada porque acaba sempre em confusão", concluiu.

Ontem de manhã, o INEM ainda foi chamado ao local, mas a equipa médica já nada podia fazer, uma vez que a vítima estava morta.

De resto, foram os agentes da PSP que, ao ver o cadáver, se aperceberam de várias escoriações e hematomas no corpo do jovem, pelo que a investigação passou para a alçada da PJ.

JOVEM ESPANCADO SOVADO SEIXAL MORTE ARRENTELA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)