Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Suicida de Tires era “educado e reservado”

José Oliveira, o ex-militar que desviou uma avioneta inicialmente fretada para tirar fotografias e se suicidou após esta se ter despenhado em Tires, convivia com os vizinhos de Fortios, Portalegre, mas o seu passado nunca foi do conhecimento dos companheiros. Quem privou com ele descreve-o como uma pessoa "calma e educada, mas muito reservada".
16 de Fevereiro de 2010 às 00:30
Ex-militar sequestrou aeronave
Ex-militar sequestrou aeronave FOTO: Tiago Sousa Dias

"Gostava de um bom petisco. Apesar de não se dar muito a conhecer, convivia com alguns vizinhos, como é costume nas localidades pequenas", disse ao CM um dos conhecidos de José Oliveira.

O mesmo interlocutor, que prefere manter o anonimato, disse ainda que na localidade "ninguém sabe do seu passado" anterior ao momento em que passou a residir em Fortios, há cerca de 12 anos, depois de voltar de Macau. "Dívidas, negócios mal resolvidos ou outras motivações, ninguém sabe. Especula-se, mas não há certeza de nada", relata a fonte.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)