Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Suspeito de ataque à facada em liberdade

Jovem tentou matar membro de grupo rival em Almada.
29 de Setembro de 2016 às 19:31
Confronto entre os dois jovens membros de gangs ocorreu no trajeto entre duas paragens do metro, no Laranjeiro
Confronto entre os dois jovens membros de gangs ocorreu no trajeto entre duas paragens do metro, no Laranjeiro FOTO: Rui Minderico
O jovem de 19 anos suspeito de tentativa de homicídio em Almada ficou sujeito a apresentações bissemanais às autoridades, apesar de o Ministério Público ter pedido a prisão preventiva, anunciou esta quinta-feira a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa.

Os factos ocorreram cerca das 16h00 de terça-feira no interior de um comboio do Metro Sul do Tejo, na zona do Laranjeiro (distrito de Setúbal), quando o suspeito e a vítima, de bairros rivais, se encontraram e envolveram num confronto físico.

"Segundo os fortes indícios recolhidos, o arguido, no dia 27 de setembro, quando se encontrava no interior de uma composição do Metro Sul do Tejo, em Almada, empunhou uma arma branca e agrediu com ela um outro indivíduo que viajava na mesma composição, causando-lhe ferimentos", refere a PGDL em comunicado.

O homem foi detido pela prática do crime de homicídio simples na forma tentada, tendo sido presente a tribunal.

"O Ministério Público promoveu a prisão preventiva do arguido. Os fundamentos invocados não foram julgados procedentes, tendo sido aplicadas as medidas de coação de apresentações bissemanais à autoridade da área da sua residência, de proibição de contactar o ofendido e de entrar no bairro onde este reside, para além do termo de identidade e residência", indica a nota.

A investigação prossegue sob a direção do Ministério Público do Departamento de Investigação e Ação Penal de Almada, com a coadjuvação da Polícia Judiciária.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)