Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Susto em voo de regresso a Lisboa

Foram momentos de angústia os vividos ontem pelos passageiros do Airbus 340 da TAP, que levantou voo de Luanda com destino a Lisboa. O avião foi forçado a regressar à capital angolana, alguns minutos após ter descolado, devido à entrada de uma ave num dos reactores. Uma situação igual à que esteve na origem da amaragem de um avião no rio Hudson (Nova Iorque), em Janeiro.

3 de Abril de 2009 às 00:30
Airbus 340 com destino a Lisboa tinha 250 pessoas a bordo
Airbus 340 com destino a Lisboa tinha 250 pessoas a bordo FOTO: Bruno Fonseca, Lusa

Apesar do sucedido, a aterragem de Luanda ocorreu com normalidade. "Estava sentado nos bancos de trás e apenas ouvi três disparos dos trens, o que me levou a perceber que voltaríamos para Luanda e só depois escutámos informações a bordo de que isso iria acontecer", disse João Jacinto, um dos passageiros. A falta de informação foi motivo de descontentamento entre os passageiros. "Não há informação praticamente nenhuma", lamentou Maria Luísa, outra passageira.

O gabinete de relações públicas da TAP explicou ao CM que os 250 passageiros foram acompanhados, embora nesta situação qualquer informação seja "manifestamente insuficiente".

De Lisboa saiu ontem à tarde um Airbus 330 rumo a Luanda, para o regresso dos passageiros, previsto para as 10h50 de hoje. A bordo seguiu também uma equipa de técnicos de manutenção para avaliar e reparar o aparelho. 

APONTAMENTOS

CHOQUES DE AVES CONTRA AVIÕES EM PORTUGAL

2006: 106

2007: 130

2008: 182

Total: 418

‘BIRD STRIKES’ NOS AEROPORTOS EM 2008

Faro: 62

Lisboa: 47

Porto: 39

Funchal: 12

Ponta Delgada: 6

Outros (Pico, Flores, Horta, Terceira, Porto Santo e Cascais): 16

Fonte: Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)