Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Técnicas da Associação Sol referidas por agressões

A directora técnica da Associação Sol, Inês, a psicóloga, Mafalda, e a encarregada dos serviços gerais, Denise, foram ontem referidas por nada fazerem para travar as agressões aos bebés praticadas pela auxiliar de educação Madalena Gomes, que está a ser julgada nos Juízos Criminais de Lisboa.
7 de Março de 2012 às 01:00
Pedro Catarino
Pedro Catarino FOTO: Amigo de Madalena Gomes ‘escondeu’ a cara da auxiliar da Sol

Maria de Lurdes Martins, funcionária da lavandaria da Sol, citou o nome das três técnicas e avançou que guarda na memória o dia 25 de Novembro de 2010, quando a arguida atirou uma menina de um ano para a cadeirinha. Por sua vez, a aluna Catarina Bitiba (16 anos) disse que a ‘tia’ Madalena "gritava muito" e era nervosa. Ideia partilhada pela auxiliar de educação, Vera Santos, que nunca viu a funcionária bater nas crianças.

SOL Julgamento VIH/SIDA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)