Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

TODOS À ESPERA DO LUÍS

Os colegas do pequeno Luís, um aluno da Escola da Mata, em Estremoz, que continua a recuperar no Hospital de Évora de meningite, já sentem saudades das brincadeiras dele e estão a preparar-lhe uma surpresa para o regresso às aulas, ao que tudo indica na próxima semana.
31 de Janeiro de 2003 às 00:00
Depois dos três dias em que este estabelecimento de ensino esteve encerrado para desinfestação e limpeza, as aulas recomeçaram ontem sem qualquer tipo de problemas. “Estamos com saudades e queremos que ele volte”, disseram em conjunto os colegas de sala, quando se preparavam para ter mais uma aula do terceiro ano com a professora Maria Antónia.

“Estão calmos. As aulas vão regressar ao normal e com muitos projectos”, referiu a docente, enquanto discutia com os seus alunos a surpresa, que poderá passar por um livro, uma carta ou um desenho, feito pelas 19 crianças da turma do Luís.

Ermelinda Manaças, presidente do conselho executivo da escola, desdramatizou a situação e sublinhou que as aulas voltaram “à normalidade” com a presença da “maioria dos alunos”. De salientar que na Escola da Mata estão a ter aulas, provisoriamente e por motivos de obras, as crianças da Escola do Caldeiro, na qual o Luís, de oito anos, é aluno.

A esta criança, residente em Estremoz e um dos alunos mais extrovertidos da sala, não é a primeira vez que lhe é diagnosticada a meningite. Menos sorte teve uma criança de cinco meses, do sexo feminino, residente nos arredores de Estremoz. Esta bebé, Ana Filipe, acabou por morrer no sábado com meningite meningocócica, no Hospital de Évora.

FACTOS

MELHORAS

O Luís continua internado desde a passada sexta-feira na unidade de pediatria do Hospital Espírito Santo, em Évora. Esta criança tem vindo a recuperar aos poucos e, segundo fonte deste hospital, tudo indica que venha a ter alta na próxima semana. Até lá, o pequeno Luís deverá contar com uma visita dos colegas.

DESINFESTAÇÃO

A desinfestação dos três blocos da Escola da Mata teve lugar na terça-feira. Estes trabalhos foram desenvolvidos por uma empresa e os encargos foram suportados pela autarquia local. Nesse dia todas as salas foram pulverizadas e anteontem os funcionários da escola tiveram como ‘missão’ a limpeza dos blocos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)