Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Travada captura ilegal de berbigão em Olhão

Dois homens foram identificados e podem pagar multa de 75 mil euros.
Tiago Griff 10 de Setembro de 2019 às 09:17
Travada captura ilegal de berbigão em Olhão
Travada captura ilegal de berbigão em Olhão
Travada captura ilegal de berbigão em Olhão
Travada captura ilegal de berbigão em Olhão
Travada captura ilegal de berbigão em Olhão
Travada captura ilegal de berbigão em Olhão
A Unidade de Controlo Costeiro (UCC) da GNR, através do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Olhão, apreendeu, esta segunda-feira de madrugada, mais de 1700 quilos de berbigão no cais comercial de Faro, por falta de licença e por a captura ter acontecido durante a noite, fora do período permitido por lei.

Para além da apreensão da grande quantidades de bivalves, os dois homens que estavam na embarcação acabaram por ser identificados pelos militares e a coima total pode atingir os 75 mil euros por dois crimes distintos.

A apreensão aconteceu na sequência de uma ação de fiscalização destinada ao controlo da pesca e proteção dos recursos marinhos. Uma patrulha da UCC detetou uma embarcação a proceder à captura de berbigão - da espécie Cerastoderma Edule - durante a noite, fora do período diário legalmente fixado.

"Além da infração cometida, nenhum dos infratores possuía licença de pesca para o exercício da atividade de apanha", revelou ainda aquela força da GNR, em comunicado.

Desta ação resultou ainda a identificação dos dois homens de 44 e 50 anos, que se encontravam no interior da embarcação, sendo depois elaborados os respetivos autos de notícia por contraordenação. De acordo com a lei, estas coimas podem atingir os 50 mil euros pela falta de licença de pesca e ainda também 25 mil euros pela captura fora do período permitido.

O berbigão, por ainda se encontrar vivo, acabou por ser devolvido ao seu habitat natural pelos militares.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)