Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Três britânicos resgatados por navio mercante grego ao largo da ilha das Flores

Veleiro estava a naufragar.
Lusa 27 de Agosto de 2017 às 16:00
Polícia Marítima
Polícia Marítima FOTO: Direitos Reservados
Três tripulantes britânicos que se encontravam num veleiro a afundar a 345 milhas da ilha das Flores, nos Açores, foram resgatados por um navio mercante grego, tendo chegado este domingo à ilha de São Miguel, anunciou a Marinha.

"O navio mercante de bandeira grega "Anangel Ventura" foi divergido pela Marinha para o local do afundamento do iate britânico, tendo o salvamento sido efetuado cerca das 20h40 horas locais do dia 24 [mais uma hora em Lisboa]", adiantou a Marinha, em comunicado de imprensa.

Os três tripulantes de nacionalidade britânica, com idades entre os 31 e os 65 anos, estavam a bordo de um veleiro de bandeira do Reino Unido, que se encontrava a afundar a cerca 345 milhas (639 quilómetros) a noroeste da ilha das Flores, Açores.

De acordo com a Marinha, "dada a urgência da situação foi decidido divergir para o local o navio que se encontrava mais próximo do veleiro".

Segundo o Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada (MRCC Delgada), o navio mercante rumou para o porto de Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, onde chegou esta madrugada, por volta das 01h18, "com os três tripulantes em segurança".

O Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada coordenou a operação de resgate durante três dias, tendo sido envolvida a Capitania de Ponta Delgada para apoio próximo à chegada do navio mercante
Flores Açores resgate britânicos navio mercante grego
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)