Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Três presos por lenocínio

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve na madrugada de ontem, numa rusga ao bar de alterne Século XXI, em Sabrosa, 25 brasileiras e três portugueses, estes por suspeita de lenocínio e auxílio à imigração ilegal. Foi também apreendido dinheiro, documentos relacionados com a entrada em Portugal das mulheres, duas viaturas e material relacionado com a prostituição.
13 de Janeiro de 2006 às 00:00
Duas das mulheres detidas
Duas das mulheres detidas FOTO: Luís C. Ribeiro
Segundo fonte do SEF – que investigava o caso desde 2003 –, o bar estava referenciado como “entreposto” de mulheres vindas do Brasil. Em vários momentos um dos sócios foi esperar brasileiras aos aeroportos de Lisboa e Porto, que colocava a residir em Chaves, Vila Real, ou Vila Pouca de Aguiar.
A operação, que contou com 15 inspectores do SEF e o apoio da GNR de Sabrosa, teve inicio à 01h00, numa altura em que “o negócio” estava parado, “por se tratar de um dia mau”, disse ao CM uma das brasileiras detidas.
O tribunal decretou às mulheres apresentações semanais nos postos de autoridade da área de residência, mandando-as em liberdade. Os homens só começaram a ser ouvidos ao início da noite.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)