Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Treze infetados com brucelose

Queijo de cabra é a causa de um surto da bactéria que está a preocupar a população.
Igor Gonçalves 25 de Novembro de 2014 às 08:01
Paula Osório é uma das doentes que sofreu de brucelose após comer queijo de cabra. Há pacientes internados no São João (foto maior) e no Santo António
Paula Osório é uma das doentes que sofreu de brucelose após comer queijo de cabra. Há pacientes internados no São João (foto maior) e no Santo António FOTO: Nuno Fernandes Veiga

Queijo de cabra infetado com brucelose está na base de um surto da bactéria na vila de Baião, no distrito do Porto. Pelo menos 13 pessoas já foram afetadas pela doença, e quatro estavam ontem ao final da tarde internadas nos hospitais de Santo António e de São João, no Porto. Segundo a Administração Regional de Saúde do Norte, os doentes não correm risco de vida.

"É um queijo de que muitas pessoas da região gostam. A produção é caseira e vendida a amigos e vizinhos", explicou Paula Osório, moradora de Baião e que também sofreu com a doença. "Comecei em junho a sentir dores no corpo e arrepios. Parecia que tinha uma depressão. Fui ao médico de família, que me fez logo exames para a brucelose."

Já o produtor do queijo que terá estado na origem do surto, Manuel Carvalho, admite apenas que teve animais com a bactéria. "Já não produzo queijos há quase um ano. Tive cabras com brucelose mas os delegados de saúde estiveram cá e levaram- -nas para serem abatidas", garante ao CM.

brucelose Santo António São João agricultura e pescas Manuel Carvalho pecuária
}