Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Tribunal começa a julgar homem que escondia droga na casota do cão em Tomar

Está acusado de quatro crimes, um de tráfico, dois de recetação e outro de detenção de arma proibida.
João Nuno Pepino 5 de Janeiro de 2021 às 08:39
Arguido vai ser julgado em Santarém
Arguido vai ser julgado em Santarém FOTO: Pedro Brutt Pacheco
O Tribunal de Santarém começa esta terça-feira a julgar um homem, de 25 anos, residente em Tomar, que se dedicava à venda de produto estupefaciente a toxicodependentes e recebia material roubado em troco da droga. Em fevereiro de 2019, o arguido foi alvo de uma busca à sua casa, onde as autoridades encontraram canábis suficientes para quase 400 doses individuais escondidas na casota do cão e num móvel ao lado, e ainda munições de calibre de guerra.

O arguido tinha também duas colunas de som, avaliadas em 500 euros, e latas de tabaco, furtadas de uma loja de instrumentos musicais e de um posto de combustível, respetivamente, ambos em Tomar. Segundo a acusação, a que o CM teve acesso, o arguido terá entregado droga ao autor dos furtos para ficar com o material.

O homem está acusado de quatro crimes, um de tráfico, dois de recetação e outro de detenção de arma proibida. No cadastro, constam condenações por furto qualificado, ofensa à integridade física, tráfico e condução sem carta. 
Tomar Tribunal de Santarém crime lei e justiça julgamentos questões sociais dependência
Ver comentários