Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Tribunal condena a pena suspensa e perda de mandato presidente da Câmara de Vila Verde

Em causa está um crime de prevaricação.
Lusa 24 de Fevereiro de 2021 às 19:21
António Vilela
António Vilela FOTO: Facebook
O Tribunal de Braga condenou esta quarta-feira a três anos e meio de prisão, com pena suspensa, e a perda de mandato o presidente da Câmara de Vila Verde, António Vilela (PSD), por um crime de prevaricação.

O processo está relacionado com um concurso público para chefe da Divisão Financeira do município, que o tribunal considerou ter sido um "fato à medida" da candidata vencedora.

Para a suspensão da pena de prisão, António Vilela terá de, no prazo máximo de 18 meses, proceder ao pagamento de 7.500 euros à instituição "Oficina de S. José", de Braga.

António Vilela Tribunal de Braga Braga PSD crime lei e justiça tribunal política autoridades locais
Ver comentários