Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Tribunal foi à praia Maria Luísa em Albufeira ver local da tragédia

Juíza, advogados e testemunhas estiveram no local para tirar dúvidas.
Tiago Griff 26 de Outubro de 2019 às 10:34
Tribunal foi à praia Maria Luísa ver local da tragédia
Desmoronamento na praia Maria Luísa, em 2009, matou cinco pessoas
Tribunal foi à praia Maria Luísa ver local da tragédia
Desmoronamento na praia Maria Luísa, em 2009, matou cinco pessoas
Tribunal foi à praia Maria Luísa ver local da tragédia
Desmoronamento na praia Maria Luísa, em 2009, matou cinco pessoas
A juíza do Tribunal Administrativo e Fiscal de Loulé, bem como os advogados e algumas das testemunhas ligadas ao processo relativo ao pedido de indemnização dos familiares das vítimas da derrocada na praia Maria Luísa, em 2009, estiveram esta sexta-feira à tarde no areal onde aconteceu a tragédia para esclarecer algumas dúvidas que surgiram durante o julgamento.

O antigo dirigente da Administração Regional Hidrográfica, Sebastião Teixeira, e o atual diretor regional da Agência Portuguesa do Ambiente, José Pacheco, não compareceram na diligência.

"Um está de férias e outro decidiu estar na tomada de posse do Governo. É lamentável não estarem presentes para poderem esclarecer dúvidas do tribunal", lamentou o advogado Pedro Proença, que defende um familiar de quatro das cinco vítimas mortais da derrocada ocorrida a 21 de agosto de 2009.

A diligência serviu para os envolvidos conseguirem ter uma perceção real do espaço que envolvia a praia, bem como distâncias das arribas, e analisar a sinalização no local, uma vez que, até agora, apenas tinham apoio visual de fotografias que estão anexas ao processo.

Na sala de audiências, de manhã, prestou depoimento o comandante da Capitania do Porto de Portimão da altura, Pedro Marques Pereira. Disse que "tinha uma noção" que as vítimas estavam a dois metros do leixão, na sombra. O advogado Pedro Proença garante que as vítimas estavam mais longe e não havia sombra.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)