Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

TRIO LEVA TELEMÓVEIS

Quando ouviu um estrondo ensurdecedor, ‘Pedro’, nome fictício, correu até à janela da sua casa, em Odivelas. Só ali percebeu o que se estava a passar. Três jovens tinham acabado de mandar um carro contra a montra da loja de telemóveis, da qual é cliente habitual.
28 de Agosto de 2004 às 00:00
Impotente perante a situação, ‘Pedro’ começou a gritar. E terão sido os seus gritos que apressaram o assalto. O mesmo não aconteceu na Amadora, onde o trio assaltou uma outra loja.
Eram 05h00 quando se ouviu um estrondo na Rua José Malhoa, em Odivelas. Três jovens, de cerca de 20 anos, tinham partido a montra da loja de telemóveis – que também funciona como clube de vídeo – com um Fiat Uno roubado ali perto.
O barulho não passou depercebido. Afinal uma montra de vidro, reforçada com uma grade, tinha sido destruída. “A vizinhança acordou toda e um cliente nosso começou a gritar da janela. Eles devem ter tido medo e só roubaram uma das vitrinas”, disse ao CM Jorge Gonçalves, proprietário da loja.
Dessa vitrina o trio, encapuzado, escolheu os “melhores telemóveis”, contou o proprietário ainda a fazer contas ao prejuízo. Foram cerca de 5 mil euros. Das três lojas que tem, só uma não recebeu visitas deste género. Mas serviu-lhe de lição. “Pensamos que estas coisas só acontecem aos outros, mas agora vou reforçar esta entrada”, desabafou.
Mas não lhe aconteceu só a ele. O mesmo grupo que o assaltou e fugiu num Honda Civic estava, uma hora depois, numa outra loja de telemóveis na Amadora. Só que aqui o método foi outro: “Cortaram as grades e levaram cerca de 2700 euros em telemóveis”, disse fonte policial.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)