Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Um detido e várias apreeensões em operação da PSP sobre setor pirotécnico

Investigação resultou numa "monitorização permanente" junto do setor dos explosivos e pirotecnia.
19 de Abril de 2019 às 14:40
Polícia
PSP
PSP
Polícia
PSP
PSP
Polícia
PSP
PSP
A PSP fez uma detenção e apreendeu 1.100 artigos de pirotecnia, material usado no lançamento de fogo de artificio, duas viaturas de mercadorias e 3.850 euros em dinheiro, no âmbito de uma operação em Lamego, Baião e Amarante.

A Operação "Pyrotechnic" foi desencadeada pelo Departamento de Armas e Explosivos da Polícia de Segurança Pública, com o apoio de agentes do Comando Metropolitano do Porto e do Departamento de Investigação Criminal daquela polícia, na quarta-feira, no âmbito de um processo-crime delegado pela Comarca Judicial de Porto Este, relacionado com "crimes de detenção de arma proibida e tráfico e mediação de armas", anunciou esta sexta-feira a PSP em comunicado.

A investigação resultou numa "monitorização permanente" junto do setor dos explosivos e pirotecnia, "inclusive da análise de acontecimentos trágicos recentes, sinalizando comportamentos de risco de indivíduos, "relacionados com a ocorrência de acidentes de grande magnitude, com graves consequências para a vida em sociedade", sublinha a polícia no documento.

Ao fim de nove meses, foram executados naqueles concelhos oito mandados de busca domiciliária e não domiciliária.

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo sido determinada a suspensão da atividade e contacto com artigos de pirotecnia, bem como apresentações quinzenais na esquadra da área de residência.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)