Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Cadeia de Silves tem Unidade Móvel antituberculose

Projeto-piloto custou 500 mil euros.
Ana Palma 28 de Outubro de 2015 às 14:54
Guardas prisionais e técnicos da cadeia de Silves estrearam esta terça-feira a Unidade Móvel de Radiologia
Guardas prisionais e técnicos da cadeia de Silves estrearam esta terça-feira a Unidade Móvel de Radiologia FOTO: Miguel Veterano
Dois guardas prisionais e dois assistentes técnicos estrearam esta terça-feira à tarde, na cadeia de Silves, a Unidade Móvel de Radiologia (UMR) da Administração Regional de Saúde (ARS)do Algarve.

O novo equipamento, em que foram investidos cerca de 500 mil euros, é um projeto-piloto: "A ARS do Algarve é a primeira do País a ter uma unidade destas. Permite trabalhar em rede e realizar um número ilimitado de raios-X ao tórax, que são usados no programa antituberculose", explicou ao CM o presidente da ARS. João Moura Reis adiantou ainda que existe já um "pedido da ARS do Alentejo para que a UMR vá a todos os estabelecimentos prisionais daquela região". A equipa da UMR integra o motorista e dois técnicos de raios-X.

Para o diretor do Estabelecimento Prisional (EP) de Silves, Ricardo Torrão, trata-se de um equipamento "muito vantajoso", pois todos os reclusos têm de fazer raios-X quando entram e após meio ano. "O facto de a unidade se deslocar ao EP implica menos deslocações ao centro de saúde", frisou. O EP de Silves tem 68 reclusos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)