Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Usa sobrinho de oito anos em assaltos a casas

A GNR de Alcabideche, Cascais, prendeu anteontem um moldavo, de 19 anos, que recorria ao sobrinho, de apenas oito, para assaltar casas. O menor, o familiar, e um português, foram apanhados em flagrante quando atacavam uma moradia em construção.
21 de Dezembro de 2011 às 01:00
Tribunal de Cascais (na foto) determinou que ambos os detidos fossem libertados
Tribunal de Cascais (na foto) determinou que ambos os detidos fossem libertados FOTO: André Nacho

Moradores de uma rua de Alcabideche chamaram os militares do subdestacamento da GNR às primeiras horas da manhã de segunda-feira.

Uma patrulha recebeu indicações de que estaria a ser assaltada uma moradia em construção. Os militares depararam-se com uma viatura, entrando logo na casa.

Não demorou até que a patrulha se confrontasse com dois homens que furtavam fio de cobre das instalações eléctricas da obra. Cada um trazia um intercomunicador, por onde se ouvia constantes apelos de uma voz de criança, denunciando a presença da GNR.

Detidos os ladrões, os guardas deslocaram-se à viatura, onde encontraram um menino de oito anos, sobrinho do detido moldavo. Era ao menor que cabia a tarefa de avisar o tio e comparsa da chegada da GNR. O tribunal de Cascais determinou que ambos os detidos fossem libertados, mantendo o tio como tutor do menino encontrado.

cascais assaltos tribunal gnr menor sobrinho
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)