Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Vacas em fúria atacam pastor

Proprietário, de 60 anos, levou vários pontos na cabeça e partiu a clavícula no ataque.
Gonçalo Silva 28 de Março de 2015 às 13:24
José Santos Maia, amigo da vítima, falou ao 'CM' sobre o incidente ao agricultor atacado pela manada de gado bovino
José Santos Maia, amigo da vítima, falou ao 'CM' sobre o incidente ao agricultor atacado pela manada de gado bovino FOTO: Gonçalo Ermida
Algumas vezes ao ano, os agricultores do Baixo Mondego passam dezenas de cabeças de gado bovino de uns terrenos agrícolas para outros. O objetivo é que as vacas possam ter à disposição as melhores pastagens. Na quinta-feira, a manada, com cerca de 60 animais, dispersou e atacou um dos seis homens que a conduziam. "Os animais assustaram-se quando iam a entrar numa ponte para seguirem para o terreno agrícola. Eu enfrentei-as e acabaram por me ferir. Levei vários pontos na cabeça e parti uma clavícula", referiu António dos Reis, 60 anos, proprietário dos animais.

O acidente aconteceu em Lavariz, Montemor-o-Velho. "O António ia à frente das vacas a orientar a manada. Elas assustaram-se e foram contra ele. Fizeram-no cair. Bateu com a cabeça no alcatrão e ficou a deitar muito sangue. Com aquilo tudo entrámos em pânico", indicou José Santos Maia, amigo da vítima. O agricultor foi assistido no local pelo INEM e transportado aos Hospitais da Universidade de Coimbra de onde acabou por ter alta.
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)