Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Vale e Azevedo procurado para cumprir 10 anos de prisão

Ex-presidente do Benfica condenado pela prática de seis crimes.
João Saramago 11 de Outubro de 2018 às 08:38
João Vale e Azevedo volta a fugir à Justiça e a fazer vida de luxo em Londres
Vale e Azevedo é alvo de mandado de detenção e fugiu para Inglaterra
Vale e Azevedo
Vale e Azevedo vive num T2 avaliado em 15 milhões e com uma renda de oito mil/mês
Vale e Azevedo vive num T2 avaliado em 15 milhões e com uma renda de oito mil/mês
Vale e Azevedo vive num T2 avaliado em 15 milhões e com uma renda de oito mil/mês
Vale e Azevedo vive num T2 avaliado em 15 milhões e com uma renda de oito mil/mês
João Vale e Azevedo volta a fugir à Justiça e a fazer vida de luxo em Londres
Vale e Azevedo é alvo de mandado de detenção e fugiu para Inglaterra
Vale e Azevedo
Vale e Azevedo vive num T2 avaliado em 15 milhões e com uma renda de oito mil/mês
Vale e Azevedo vive num T2 avaliado em 15 milhões e com uma renda de oito mil/mês
Vale e Azevedo vive num T2 avaliado em 15 milhões e com uma renda de oito mil/mês
Vale e Azevedo vive num T2 avaliado em 15 milhões e com uma renda de oito mil/mês
João Vale e Azevedo volta a fugir à Justiça e a fazer vida de luxo em Londres
Vale e Azevedo é alvo de mandado de detenção e fugiu para Inglaterra
Vale e Azevedo
Vale e Azevedo vive num T2 avaliado em 15 milhões e com uma renda de oito mil/mês
Vale e Azevedo vive num T2 avaliado em 15 milhões e com uma renda de oito mil/mês
Vale e Azevedo vive num T2 avaliado em 15 milhões e com uma renda de oito mil/mês
Vale e Azevedo vive num T2 avaliado em 15 milhões e com uma renda de oito mil/mês
João Vale e Azevedo é alvo de um mandado de detenção europeu por ter sido condenado a 10 anos de prisão pela prática de seis crimes.

O ex-presidente do Benfica é procurado depois de em junho último ter partido num jato privado para o Reino Unido, país onde leva uma vida de luxo, apesar de ter um rendimento mensal de 441 euros.

O mandado a que o CM teve acesso revela que Vale e Azevedo foi condenado por três crimes de peculato, um de abuso de confiança, um de falsificação de documentos e um de branqueamento.

Crimes praticados, entre 1999 e 2000, por se ter apropriado de milhões nas transferências dos jogadores Minto, Gary Charles, Tahar e Amaral.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)