Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Venezuela: Empresário madeirense assassinado

Homens armados sequestraram e assassinaram um comerciante natural da Ponta do Sol, Madeira, em Los Teques, uma localidade do Estado de Miranda, a sul de Caracas.
9 de Abril de 2011 às 12:31
Português foi sequestrado quando fechava loja
Português foi sequestrado quando fechava loja FOTO: Carlos Ferreira

Fontes próximas da família indicaram à agência Lusa que Manuel Rodrigues Cabral, 69 anos, foi interceptado por vários indivíduos armados às 20h00 de quinta-feira (01h30 de sexta-feira  em Lisboa), quando encerrava a sua loja, sendo obrigado a entrar no seu  carro.  

O corpo do comerciante, proprietário da Correcaminos, uma loja de jantes e pneus, foi localizado um pouco mais tarde à beira da estrada, sem vida e com dois tiros nas costas.  

Segundo o Corpo de Investigações Científicas Penais e Criminalísticas, testemunhas do sequestro alertaram a polícia local que ordenou a colocação de barreiras de controlo policial na estrada por onde seguiram os raptores.

A polícia suspeita que os raptores avistaram uma barreira policial e optaram por assassinar o comerciante pontassolense, estando a decorrer as investigações com base nos dados das motorizadas que usavam e na descrição física dos assassinos, feita pelas testemunhas do rapto.  

Pelo menos sete comerciantes portugueses foram sequestrados desde Janeiro em diferentes localidades do Estado venezuelano de Miranda. Os raptores assassinaram dois deles, Carmem Joaquim, 35 anos, natural dos Canhas, Madeira, e João Tiago da Costa Câmara, 53 anos, natural do Porto Moniz, Madeira.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)