Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Vento volta a condicionar aeroporto da Madeira

Um avião teve mesmo de regressar ao destino.
4 de Agosto de 2016 às 16:06
Mais elementos ambientais sobre o aeroporto do Montijo é "trabalho normal"
Mais elementos ambientais sobre o aeroporto do Montijo é 'trabalho normal' FOTO: Homem de Gouveia/Lusa
O movimento no Aeroporto Internacional da Madeira está condicionado pela segunda vez esta semana devido aos ventos fortes na zona de Santa Cruz, tendo um avião regressado esta quinta-feira a Lisboa e outro divergido para o Porto Santo.

Fonte daquela infraestrutura aeroportuária informou que a situação afetou um voo da TAP (1681) proveniente de Lisboa, que acabou por regressar à origem.

Uma outra aeronave da Austrian (OS 4059) oriundo de Viena acabou por divergir para a ilha vizinha do Porto Santo, onde aguarda uma melhoria das condições para aterrar na Madeira.

A informação no sítio da internet da ANA - Aeroportos de Portugal refere que o último avião que conseguiu aterrar hoje na Madeira, às 14:19, foi um Sata que saiu da Gran Canária.

Na passada terça-feira, o vento forte também condicionou o movimento no aeroporto desta ilha, tendo afetado cerca de uma dezena de voos.
Ver comentários