Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Vítimas de vandalismo despedem guarda-nocturno

Os comerciantes e alguns moradores da rua Andrade Corvo, na Buraca, Amadora, onde anteontem de madrugada cerca de 70 carros foram vandalizados, despediram o guarda-nocturno da zona. "Não adianta pagar se não faz nada", disse ontem ao CM Arlindo Teixeira, há 40 anos dono de uma oficina na rua.

5 de Janeiro de 2012 às 01:00
Arlindo Teixeira deixou de pagar 10 euros por mês pela segurança
Arlindo Teixeira deixou de pagar 10 euros por mês pela segurança FOTO: Mariline Alves

"O guarda ainda apareceu aqui ontem [anteontem] de manhã com o recibo para cobrar, mas não lhe paguei. Nem eu, nem as outras pessoas da rua", diz Arlindo Teixeira. Os comerciantes pagavam cada um dez euros por mês ao vigilantes.

Ontem, ainda havia vários carros com os pneus furados na rua Andrade Corvo. A PSP já terá identificado os suspeitos de vandalismo, mas até ontem ninguém tinha sido detido.

VANDALISMO AMADORA ATAQUE
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)