Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

“Vivemos como bichos”

É difícil escolher o que mais choca na ‘casa’ de Manuel Guerreiro, 84 anos, e dos enteados, Vítor, de 30, alcoólico, e Tony, de 45, deficiente mental, no Bairro Lopes, em Olhão. A habitação – muito destruída por vários incêndios, que deflagraram nos últimos anos por incúria dos moradores – não tem telhado, janelas ou portas. O lixo (comida podre, roupa suja e fezes humanas) acumula-se dentro e fora das quatro paredes, convivendo com vários animais.
17 de Novembro de 2008 às 00:30
Comida podre, roupa suja e fezes humanas acumulam-se na habitação
Comida podre, roupa suja e fezes humanas acumulam-se na habitação FOTO: Sandra Sousa Santos

Manuel Guerreiro justifica-se com "a falta da mulher que morreu há seis anos" e com a ausência de casa de banho, que obriga a fazer a higiene pessoal ao ar livre. "Fazemos as necessidades num balde e jogamos fora", explica o octogenário, que garante tomar banho todos os dias, "utilizando uma mangueira na rua, mesmo com frio".

As refeições são confeccionadas na rua e as noites, mal dormidas, são quase ao relento."O frioe a chuva entram pelo telhado, sem telhas e pelos buracos que deveriam ser portas e janelas", diz Manuel Guerreiro, que goza do privilégio de ter um quarto só para si. "Os meus enteados dormem no mesmo divã, num quarto onde não cabe mais nada. Vivemo s como bichos nestas ruínas e ninguém nos ajuda", lamenta Manuel Guerreiro que se recusa ir para um lar, enquanto sonha com uma casa que lhe "devolva a dignidade de viver".

PORMENORES

CÂMARA ATENTA

"Os serviços camarários estão a acompanhar o caso", garante Margarida Leal da Câmara de Olhão. O homem "tem recusado a institucionalização para si e para o enteado deficiente", diz.

LIXO

Face à recusa da família em abandonar o local, a autarquia tem efectuado remoções de lixo e entrega de roupa e alimentos.

QUEIXAS

Vizinhos estão fartos de denunciar a situação – que classificam de atentado à saúde pública – e dizem que só não há ratos porque alimentam os gatos que os afugentam.

 

 

 

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)