Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Volotea vai deixar de voar para a Madeira e mais duas transportadoras ameaçam o mesmo

Condições meteorológicas na origem da decisão.
Lusa 5 de Novembro de 2018 às 18:56
Aeroporto da Madeira
Aeroporto da Madeira - Cristiano Ronaldo
Aeroporto da Madeira - Cristiano Ronaldo
Aeroporto da Madeira
Aeroporto da Madeira - Cristiano Ronaldo
Aeroporto da Madeira - Cristiano Ronaldo
Aeroporto da Madeira
Aeroporto da Madeira - Cristiano Ronaldo
Aeroporto da Madeira - Cristiano Ronaldo

A companhia espanhola Volotea vai deixar de voar para a Madeira e outras duas ameaçam abandonar a rota devido ao impacto das condições meteorológicas no Aeroporto Cristiano Ronaldo, revelou esta segunda-feira o presidente da ANA - Aeroportos de Portugal.

Thierry Ligonnière disse, numa audição na Assembleia Legislativa da Madeira, que a ocorrência cada vez mais frequente de ventos fortes e visibilidade reduzida são o principal motivo para o cancelamento de voos no aeroporto da região autónoma, o que gera um "impacto importante" na economia das companhias aéreas.

"E já há consequências: uma companhia aérea - a Volotea - anunciou que ia deixar de voar para a Madeira por causa das irregularidades e dos cancelamentos provocados pelas situações meteorológicas", disse, realçando que "mais duas companhias aéreas estão a ameaçar acabar com as suas ligações na Madeira".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)