Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Whisky aos 10 anos e a ligação aos Super Dragões: O perfil do suspeito da morte de jovem durante festejos do FC Porto

Renato Gonçalves, de 19 anos, trabalha nos Super Dragões e é lutador de UFC (Ultimate Fighting Championship) desde 2014.
Correio da Manhã e Tânia Laranjo 10 de Maio de 2022 às 01:30
Renato Gonçalves tem 19 anos
Experimentou álcool pela primeira vez aos 10 anos
Renato Gonçalves tem 19 anos
Experimentou álcool pela primeira vez aos 10 anos
Renato Gonçalves tem 19 anos
Experimentou álcool pela primeira vez aos 10 anos
Renato Gonçalves, de 19 anos, trabalha nos Super Dragões, claque afeta ao FC do Porto, e é lutador de UFC (Ultimate Fighting Championship) desde 2014. É assim que o jovem do Porto se apresenta na rede social Facebook, onde partilha inúmeras fotografias ao lado do pai Marco ‘Orelhas’ - o número 2 da claque chefiada por Fernando Madureira.

Desde pequeno que Renato acompanha os Super Dragões para todo o lado. Vibra como o pai e, no Facebook, faz questão de partilhar esses momentos. Tem fotografias ao lado de ‘Macaco’, chefe da claque Super Dragões, e de outros elementos. Inspirado pelo exemplo do pai, a vida do jovem foi sempre marcada por excessos.

Em 2013, aos 10 anos, o pai deu-lhe a provar pela primeira vez Whisky. O momento ficou registado no Facebook: "Maldita a hora que provei whisky (...) o meu pai disse para provar para eu depois não gostar mais", lê-se na legenda da publicação.

O jovem, suspeito de homicídio qualificado, foi detido esta terça-feira, pelo envolvimento na morte de Igor durante os festejos do título do FC Porto, perto do estádio do Dragão.
Ver comentários
}