Correio da Manhã

Sociedade
Assine Entrar
Assine
Disparam casos de coronavírus na Grande Lisboa
Por Francisca Genésio | 7 de Maio de 2020 às 08:26
• Foto: Mariline Alves
Aumento de novos casos tem sido mais evidente em concelhos da região de Lisboa e nas pessoas com menos de 50 anos
Sintra, Cascais e Loures com maior subida de novas infeções.

A região de Lisboa e Vale do Tejo (LVT) representou esta quarta-feira mais de 83 por cento do total de novos casos registados de infeção pelo novo coronavírus em Portugal.

Segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), há 26 182 infetados em todo o País - mais 480 do que no dia anterior. Também o número de óbitos voltou a aumentar: nas últimas 24 horas foram registados mais 15 óbitos, o que perfaz um total de 1089 vítimas mortais devido à Covid-19. Olhando para o panorama geral, a região Norte continua a ser a mais afetada pelo surto, ainda que os novos casos representem apenas 0,4% do total.

Concelhos como Porto, Vila Nova de Gaia e Gondomar mantêm-se sem novas infeções. Já os concelhos de Sintra, Cascais e Loures registaram a subida mais significativa. Segundo o boletim cada um destes registou entre 30 e 42 novos casos (ver infografia). O documento da DGS mostra ainda que há variações no perfil dos infetados: houve um decréscimo acentuado dos novos casos acima dos 70 anos, representando apenas 8,3% do total. Por outro lado, as faixas etárias abaixo dos 50 anos registaram um crescimento significativo.

Pelo segundo dia consecutivo, os internamentos aumentaram, totalizando agora 838. Deste total, 136 estão nos Cuidados Intensivos. Mas nem tudo são más notícias: mais 333 doentes conseguiram superar a Covid-19, sendo agora 2076 recuperados. Há, no entanto, 2492 pessoas a aguardar o resultado do teste.

Encontradas 150 mutações no País
Já foram encontradas 150 mutações do novo coronavírus em Portugal. A revelação, feita pelo presidente do Instituto Ricardo Jorge, Fernando de Almeida, surgiu no âmbito de um estudo do instituto ao genoma do vírus.

Governo afasta ideia de hospitais para tratar só a covid-19
O secretário de Estado da Saúde, António Sales, confirmou que os hospitais continuarão a ter áreas ‘Covid-19’ e ‘não Covid-19’, excluindo a hipótese de uma rede de hospitais dedicados exclusivamente à doença.

Mais informação sobre coronavírus AQUI.

MAPA da situação em Portugal e no Mundo.

SAIBA como colocar e retirar máscara e luvas.

APRENDA a fazer a sua máscara em casa.

CUIDADOS a ter quando recebe uma encomenda em casa.

DÚVIDAS sobre coronavírus respondidas por um médico

Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24

Pub
Pub