Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
2

Poeiras do Saara vão atingir Península Ibérica sem passar por Portugal

Partículas poderão ter efeitos nocivos na saúde humana, nomeadamente ao nível do foro respiratório.
Lusa 26 de Junho de 2020 às 21:51
Pó do Saara voltou a chegar ao sul do país
Pó do Saara voltou a chegar ao sul do país FOTO: Getty Images
A nuvem de poeiras proveniente do deserto do Saara que deverá atingir a Península Ibérica na terça-feira não irá afetar Portugal, informou esta sexta-feira o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com a informação divulgada pelo IPMA, é previsível que "estas poeiras atinjam o sueste da Península Ibérica" a partir de terça-feira, 30 de junho, "com valores PM10 [partículas com diâmetro inferior a 10 µm - diz respeito a micrómetros] cerca de 200 µg/m3 à superfície, não se prevendo neste momento um aumento assim dos níveis normais" para Portugal.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera recorda que estas partículas poderão ter efeitos nocivos na saúde humana, nomeadamente ao nível "do foro respiratório, e ainda outros de natureza económica como a fluidez do tráfego aéreo".

Contudo, "não se prevê que esta situação afete Portugal", mas sim o sudeste de Espanha, "com incidência nas comunidades espanholas de Alicante e Valência, encontrando-se o IPMA a acompanhar a situação".

Esta nuvem de poeiras provenientes do Saara atravessou o oceano Atlântico e chegou às Caraíbas, onde foi registada "uma concentração máxima diária de partículas em suspensão (PM10)", em 23 de junho, de 532 µg/m3, no município de Cataño, em Porto Rico.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)