Afonso e Helena, um dos casais que a ditadura perseguiu e separou em Portugal

Mulher viu-se obrigada a abortar e a mudar radicalmente de vida, mas nunca abandonou o marido.
14.04.19
Afonso e Helena Rodrigues são um dos casais que a ditadura perseguiu e separou em Portugal durante dois anos, tantos quantos ele esteve a cumprir pena na cadeia da Fortaleza de Peniche.

Afonso Rodrigues, na altura operário na companhia aérea TAP, foi preso em 1971 por ser militante do Partido Comunista Português, tendo estado primeiro detido em Caxias e depois em Peniche, para cumprir a pena de dois anos a que tinha sido condenado.

Helena acabou por abortar a gravidez: "Foi muito complicado por causa da grande preocupação e de grandes dificuldades financeiras, porque a vida estava estruturada de uma determinada maneira e ficou arruinada", conta depois de um longo suspiro.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!