Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
2

Algarve: Onze praias interditas devido a microalga tóxica

Onze praias algarvias ficaram interditas da prática balnear devido à detecção de uma microalga de toxinas prejudiciais à saúde humana, segundo fonte da autoridade marítima.

23 de Setembro de 2011 às 17:41
Polícia Marítima vai fiscalizar as praias
Polícia Marítima vai fiscalizar as praias FOTO: D.R.

As praias dos concelhos de Lagos e Vila do Bispo foram invadidas por uma microalga, com a designação científica ostreopsis, esta microalga foi identificada em análises efectuadas nos últimos dias pelo Instituto de Investigação das Pescas e do Mar (IPIMAR).  

As praias afectadas são D. Ana, Camilo, Porto de Mós e Luz (concelho de Lagos), Burgau, Cabanas Velhas, Boca do Rio, Salema, Furnas, Zavial e Ingrina (concelho de Vila do Bispo).  

A microalga em causa, é originária do Mar Mediterrâneo e pode causar problemas respiratórios, conjuntivites e dermatites.

Desde o início da tarde desta sexta-feira que a Polícia Marítima está a percorrer toda a zona afectada, impondo o içamento da bandeira vermelha e instruindo os nadadores-salvadores para que desaconselhem a prática balnear.

Algarve microalga tóxico interdição praias
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)