Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Alta dos preços e desvalorização do real afetam portugueses no Brasil

Ainda assim, a maioria não pensa regressar a Portugal.
22 de Março de 2015 às 09:43
Rio de Janeiro
Rio de Janeiro FOTO: iStockphoto

A atual situação económica brasileira, com estagnação do crescimento e aumento da inflação, está a afetar a rotina de portugueses que vivem no país, com aumento dos preços e a desvalorização da moeda local.

A grande maioria dos entrevistados pela Lusa, entretanto, não pensa em voltar a Portugal, porque possui emprego fixo, uma boa condição de vida ou estabilidade no Brasil, e o país natal ainda não recuperou dos efeitos da crise económica.

"Uma realidade com inflação oficial de 7%, e real superior a 10%, é algo que nunca experimentei em Portugal. Facilmente os preços de vários produtos, nomeadamente os alimentares, podem subir de uma semana para a outra", afirmou o gerente de vendas Júlio César Quintela, 35 anos, de Vila Nova de Gaia.

Quintela, que vive há dois anos em São Paulo, afirmou também que a desvalorização do real face ao euro e ao dólar atrapalha a constituição de uma poupança para o regresso a Portugal.

O empresário Pedro Miguel da Silva Aparício, 35 anos, é do Porto e atualmente possui uma escola de idiomas na cidade de Vinhedo, no interior de São Paulo. Migrou para o Brasil há pouco mais de três anos, e, atualmente, viu os seus gastos mensais aumentarem entre 20% e 25%.

"A população brasileira vive muito do crédito para consumir, e o mercado recuou (...). Quem quer estudar inglês e melhorar o seu currículo para ter melhores oportunidades, adia esse desejo por não ter condições financeiras", disse.

A empresária Ana Paula Sodré Costa Real, 53 anos, que vive há 14 anos no Brasil, na cidade de Campinas, interior de São Paulo, disse que gastos com a mulher a dias, refeições fora de casa e viagens longas foram cortados, e que passou a procurar ofertas em supermercados e a economizar.

"Tenho um pequeno comércio de roupas e diariamente tenho visto pequenos comerciantes como eu fecharem as portas", contou.

Portugal Brasil crise real preços custo de vida
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)