Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Aluna agride funcionária

Uma auxiliar de ação educativa da Escola EB 2+3 D. Martinho Castelo Branco, de Portimão, queixa-se de ter sido agredida por uma aluna de uma turma do 9º ano, dentro do estabelecimento de ensino.
2 de Março de 2013 às 01:00

Lúcia Maria Encarnação, de 59 anos, revelou ao CM que a agressão ocorreu pelas 17h00 de anteontem, depois de ter perguntado à aluna, R., de 15 anos, que tinha ido à casa de banho com uma colega, "de que sala tinham saído".

"Sem qualquer razão aparente, a menina começou a ameaçar-me e a bater-me. Deu-me bofetadas na cara e no pescoço e também puxões de cabelo", referiu a auxiliar, ao mesmo tempo que exibia os sinais da agressão. Lúcia admitiu, contudo, ter-se "defendido": "Ela estava a bater-me e eu reagi, dando-lhe também uma estalada", frisou, adiantando ter a aluna chamado a mãe, que alertou a PSP.

Fonte policial confirmouter deslocado ao local uma patrulha da Escola Segura, que registou a ocorrência, tendo obtido "depoimentos não coincidentes das partes envolvidas".

Contactada pelo CM, a direção do Agrupamento de Escolas Poeta António Aleixo, que integra a referida C+S, referiu "não ter quaisquer declarações a prestar sobre o caso".

portimão aluna funcionária agressão escola
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)