Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
9

Alunos contra mudanças

Muitos alunos podem não voltar à Universidade de Aveiro já a partir do segundo semestre, em Fevereiro de 2011, por falta de dinheiro.
14 de Dezembro de 2010 às 00:30
Cerca de 60 alunos manifestaram-se, ontem, em Aveiro
Cerca de 60 alunos manifestaram-se, ontem, em Aveiro FOTO: Salomé Filipe

O alerta surgiu, ontem, por parte de um grupo de alunos bolseiros que se manifestou contra o novo regulamento de atribuição de bolsas de estudo em frente à Reitoria da Universidade e no Governo Civil de Aveiro. Muitos universitários já vivem em situação dramática, sem dinheiro para se alimentarem.

São 600 os alunos que já foram excluídos na lista apresentada a semana passada pelos Serviços de Acção Social. E para o próximo ano lectivo, o número de universitários sem direito a bolsa deverá duplicar.

"Mãe perdi a bolsa, vou voltar para casa", foi o slogan que os mais de 60 alunos bolseiros utilizaram para a manifestação. "A nossa luta é contra o Governo porque isto é absurdo. Alteraram as regras em cima da hora e os alunos que no ano passado cumpriam os requisitos legais e tinham direito a bolsa, este ano deixaram de estar. De um momento para o outro, muitos deles estando na mesma situação", contou, revoltado, Ricardo Fernandes, de 24 anos, um dos impulsionadores do protesto.

Em causa está, por exemplo, a alteração relativamente ao aproveitamento escolar. No ano anterior, a meta eram os 40 por cento de sucesso. Este ano, com as novas regras, só quem teve 50 por cento de aproveitamento no ano lectivo anterior é que tem direito a bolsa.

"Nós não estamos contra as medidas em si, só pedimos pelo menos um ano de transição, em que os alunos sejam abrangidos pelas normas anteriores possam adaptar-se aos critérios de maiores exigências. Muitos alunos não estavam a contar com isto, não têm dinheiro para sobreviver e em Fevereiro vão ter de abandonar os cursos", sublinha Ricardo Fernandes, que garante que os cortes nas bolsas estão já a levantar problemas nas residências universitárias. Muita comida, guardada por alunos, tem desaparecido dos congeladores.

AVEIRO ESTUDANTES UNIVERSIDADE PROPINAS
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)