Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
9

Alunos gastam fortuna na festa

A crise existe e os estudantes sentem-na, mas a semana do ‘Enterro da Gata’ (festas académicas da Universidade do Minho) continua destinada a todos os excessos.

13 de Maio de 2012 às 01:00
Milhares de estudantes participaram na primeira noite da festa académica de Braga
Milhares de estudantes participaram na primeira noite da festa académica de Braga FOTO: Eduardo Martins

Entre pulseira para os espectáculos (35 euros), jantares, bebidas na noite, transportes e adereços para o cortejo, cada um dos 15 mil estudantes que vão à festa gasta em média 165 euros, o que dá um total de 2,5 milhões. Ainda assim, há quem preveja gastar muito mais. "É claro que estamos em crise e por isso é que só conto gastar 200 ou 250 euros. No ano passado gastei bastante mais", disse ao CM José Antunes, aluno do 3º ano de Estudos Portugueses e Lusófonos.

O ‘Enterro da Gata’ começou na sexta-feira com o cortejo fúnebre, que levou o féretro até à serenata, no largo do Paço, em frente à reitoria. A noite estendeu-se no "gatódromo" ao som de José Cid e foi ainda mais animada ontem, com o concerto dos Xutos & Pontapés. O ponto alto tem lugar na quarta-feira, com o cortejo académico, mas todas as noites são de festa, com música até de madrugada.

Ontem, na Bênção das Pastas, no Sameiro, o bispo D. Manuel Linda apelou a que a palavra "corrupção" não faça parte dos critérios de actuação dos estudantes durante as suas vidas profissionais.

BRAGA ALUNOS ESCOLA CRISE FESTA
Ver comentários