Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
9

Amadora-Sintra transferiu 102 doentes com Covid-19 e tem 323 internados. Rede de oxigénio está "estabilizada", diz hospital

Unidade hospitalar é a que tem mais doentes internados na região de Lisboa.
Correio da Manhã 28 de Janeiro de 2021 às 09:12
Amadora Sintra
Amadora Sintra FOTO: David Cabral Santos
O hospital Amadora-Sintra informou esta quinta-feira que a rede de oxigénio da unidade hospitalar foi estabilizada e que na noite de terça-feira foram transferidos 102 doentes para várias unidades de saúde, o que permitiu o alivio da pressão do hospital. 

O hospital tem 323 doentes internados com Covid-19, a unidade hospitalar é a que tem mais internamentos pela infeção na região de Lisboa. 

"A transferência destes doentes permitiu uma gestão cabal da infraestrutura de distribuição de oxigénio no Hospital. Não está em causa, como nunca esteve, a disponibilidade de Oxigénio ou o colapso da rede, dado que os constrangimentos estavam relacionados com a dificuldade existente em manter a pressão, face ao elevado débito para as necessidades terapêuticas dos doentes. De igual modo, em momento algum os doentes internados estiveram em perigo devido à ocorrência", informou o hospital. 

Dos doentes transferidos 19 foram para uma nova enfermaria que entrou em funcionamento no Hospital da Luz, em Lisboa.

Amadora-Sintra Covid-19 saúde hospitais
Ver comentários