Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
1

Amianto em aldeia de 400 habitantes

Maioria dos habitantes da antiga aldeia mineira do Lousal vivem sob telhados com amianto.
13 de Abril de 2014 às 08:48
amianto, Internet, Google, Ministério da Educação, agrupamento de escolas
amianto, Internet, Google, Ministério da Educação, agrupamento de escolas FOTO: Luís Costa

O autarca da antiga aldeia mineira do Lousal avisa que a grande maioria dos habitantes vive sob telhados com amianto há décadas, mas o presidente do município de Grândola afirma que não existe perigo para a saúde.

As casas em redor da antiga mina do concelho de Grândola, no Alentejo, foram construídas entre os anos 40 e 60 do século XX e estão cobertas por telhas cuja composição inclui amianto, contou à agência Lusa o presidente da Junta de Freguesia de Azinheira dos Barros, à qual pertence a localidade do Lousal.

O autarca socialista Pedro Ruas estima que 85% dos cerca de 400 habitantes da aldeia vivam nestas casas e acredita que "alguns dos problemas de saúde que estas pessoas vão tendo sejam causados pelos telhados", apesar de assumir que há doenças que são consequência do trabalho na mina.

autarca aldeia mineira Lousal Grândola Alentejo telhados amianto presidente câmara Pedro Ruas
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)