Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

ANP pondera providência cautelar para suspender requisição de casas do Zmar

Governo determinou "a requisição temporária, por motivos de urgência e de interesse público e nacional".
Lusa 4 de Maio de 2021 às 15:32
Zmar Eco Resort
Zmar Eco Resort FOTO: Direitos Reservados
A Associação Nacional de Proprietários (ANP) está a ponderar interpor uma providência cautelar para suspender a requisição temporária do complexo turístico Zmar, em Odemira (Beja), disse hoje à agência Lusa o presidente da ANP, António Frias Marques.

"Nós estamos a desenvolver esforços para podermos parar isto e instar o Governo a que encontre alternativas. Nós não somos sensíveis à pandemia, mas perguntamos o que têm os proprietários e residentes no Zmar a ver com a saúde pública e que andem ali à volta imigrantes e que agora seja preciso tratá-los?", questionou o presidente da ANP.

Na sexta-feira, o Governo determinou "a requisição temporária, por motivos de urgência e de interesse público e nacional", da "totalidade dos imóveis e dos direitos a eles inerentes" que compõem o complexo turístico ZMar Eco Experience, na freguesia de Longueira-Almograve (Odemira), para alojar pessoas em confinamento obrigatório ou permitir o seu "isolamento profilático".

Ver comentários