Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Arguidos da Casa Pia derrotados

O Tribunal Constitucional rejeitou o pedido de aclaração do médico Ferreira Diniz, no âmbito do processo de pedofilia da Casa Pia, por entender que não há nada a esclarecer em relação ao acórdão que indeferiu os recursos dos arguidos.
2 de Março de 2013 às 01:15

Com esta decisão, o médico, Carlos Cruz, Jorge Ritto e Manuel Abrantes deverão regressar à cadeia, para cumprir as respetivas penas, ainda este mês. Estão esgotadas todas as hipóteses de recurso, mas, segundo fontes contactadas pelo CM, o médico ainda pode invocar uma nulidade. Tal expediente, porém, terá apenas como consequência atrasar, em cerca de dez dias, o trânsito em julgado das condenações, ou seja, o encerramento do processo. Recorde-se que Carlos Cruz (seis anos), Ferreira Diniz (sete anos), Jorge Ritto (seis anos e oito meses) e Manuel Abrantes (cinco anos e nove meses) foram condenados por abusos sexuais.

tribunal constitucional arguidos carlos cruz ferreira diniz manuel abrantes jorge ritto
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)