Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
8

Auto-escadas esperam arranjo

Em todo o Barlavento algarvio, só estão disponíveis duas auto-escadas para combater fogos urbanos - nas corporações de Albufeira e Silves. Os equipamentos de Portimão e Lagos esperam reparação.

14 de Outubro de 2012 às 01:00
Ainda terça-feira foi necessário recorrer à auto-escada de Silves para incêndio urbano em Portimão
Ainda terça-feira foi necessário recorrer à auto-escada de Silves para incêndio urbano em Portimão FOTO: Miguel Veterano Junior

O caso mais gritante é o dos Bombeiros de Portimão, onde a auto-escada está quase parada há vários meses. "Não está inoperacional, mas só sai em último caso, se estiver alguém em risco", explica Álvaro Bila, presidente da associação, adiantando que a reparação "custa 25 mil euros" e a associação "não tem esse dinheiro".

Os bombeiros já decidiram avançar com formas de angariar receitas para a reparação. Está a decorrer uma venda de rifas (um euro cada) para o sorteio, em Dezembro, de duas estadias de duas noites em Pousadas de Portugal, oferecidas pelo grupo Pestana. "Era bom que conseguíssemos obter 10 mil euros", diz Álvaro Bila, referindo que estão a preparar outras iniciativas.

Com as limitações da auto--escada de Portimão, quando era necessário, recorria-se à de Lagos. Mas esse equipamento está a necessitar de reparação desde que participou no combate ao fogo no Retail Park de Portimão, há cerca de um mês.

No Barlavento, restam as auto-escadas dos bombeiros de Silves e de Albufeira. Ainda terça-feira, o equipamento de Silves foi usado no combate a um fogo urbano em Portimão.

AUTO-ESCADAS CARROS BOMBEIROS PORTIMÃO LAGOS ALBUFEIRA LAGOS
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)