Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Bombeiros sem dinheiro para socorro em Viseu

"O Estado deve-nos 100 mil euros", acusa presidente dos Bombeiros Voluntários locais.
1 de Setembro de 2018 às 09:50
Bombeiros Voluntários de Viseu
Bombeiros
Bombeiros Voluntários de Viseu
Bombeiros
Bombeiros Voluntários de Viseu
Bombeiros
Os Bombeiros Voluntários de Viseu estão sem dinheiro para as despesas básicas, como por exemplo o combustível e os salários dos funcionários. A direção diz que o socorro "está em causa" e culpa o Estado por não cumprir os compromissos com a corporação.

"Hoje o Estado deve-nos 100 mil euros, mais do dobro do que no tempo da troika", acusa Carlos Costa, presidente da direção dos Bombeiros Voluntários de Viseu, alertando: "Se não tivermos dinheiro para comprar gasóleo ou para pagar salários, o socorro fica em causa, o que já está a acontecer".

As dificuldades dos voluntários foram conhecidas no dia em que o autarca local entregou um cheque de 11 492 euros, relativo à bilheteira de um dia da Feira de São Mateus.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)