Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Bruna defendida pelo namorado

O que estão a fazer com a Bruna é bárbaro e inacreditável. Num país que se quer fazer passar como tendo uma mente muito aberta e evoluída, isto não deveria acontecer." A revolta é de Miguel Estrelinha, o namorado de Bruna Real, professora de Mirandela que na semana passada foi afastada de dar aulas e do contacto com as crianças depois de ter posado nua para a última edição da revista ‘Playboy’.
22 de Maio de 2010 às 00:30
Miguel Estrelinha defende Bruna Real e garante que a jovem nada fez de mal a não ser seguir o seu sonho
Miguel Estrelinha defende Bruna Real e garante que a jovem nada fez de mal a não ser seguir o seu sonho FOTO: Vasco Neves

O fuzileiro da Marinha contou ao CM que sempre esteve ao lado da namorada. "Apoiei a Bruna a cem por cento. Ela adora aquele mundo, e era muito mau da minha parte se ficasse contra um dos sonhos dela: ser modelo fotográfico. Ela fez arte, nada mais", acrescentou, revoltado.

Miguel , que já namora com Bruna há mais de um ano, lamenta que a sessão fotográfica tenha tomado tão grande dimensão, impedindo-a de fazer o que mais gosta: ensinar. "Pensei que o facto de dar aulas pudesse suscitar alguma situação estranha na escola, não algo a nível nacional. Ela tem-se ressentido muito mais porque não pode dar aulas, o que adora."

A jovem foi transferida, por decisão da autarquia, para o arquivo municipal de Mirandela. "Ela não está feliz lá", concluiu o militar.

Ver comentários