Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
1

Burlam idosos com falsa lotaria

Carta com promessa de 985 mil euros está a chegar a milhares de caixas de correio.
João C. Rodrigues 28 de Outubro de 2014 às 23:02
Autoridades alertam para cartas de empresa fictícia
Autoridades alertam para cartas de empresa fictícia FOTO: D.R.

Cartas remetidas de um endereço desconhecido com a informação de que o destinatário é o vencedor do El Gordo, a lotaria espanhola, estão a chegar às caixas de correio de milhares de pessoas, sobretudo idosos na zona de Lisboa. As autoridades avisam de que se trata de uma burla e alertam para que os destinatários não acreditem nem forneçam quaisquer dados pessoais ou bancários.

Nas cartas, a que o CM teve acesso e que se percebe terem sido escritas com base num tradutor automático, os burlões dizem que o destinatário ganhou o segundo prémio do El Gordo, numa aposta feita por uma empresa. O dinheiro "está agora depositado junto do banco" e, para o receber, o ‘vencedor’ terá apenas de enviar os seus dados bancários e transferir 10 por cento do total do prémio de 985 mil euros para a empresa ‘Damar Seguros’, alegadamente com sede em Espanha, lê-se na carta. E é quando o ‘premiado’ envia dinheiro que a burla é consumada. O valor cai numa conta sedeada num banco offshore e é levantado por alguém com uma identidade falsa.

A Judiciária detetou os primeiros casos em 2008, mas ciclicamente, sobretudo nos meses antes do Natal, os burlões repetem o esquema, mudando apenas o nome da empresa.

burla lotaria idosos
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)