Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
3

Cerca de 3000 madeirenses regressaram da Venezuela

Levantamento foi feito por diferentes entidades da região.
26 de Maio de 2018 às 17:57
Tragédia em prisão da Venezuela
Tragédia em prisão da Venezuela
Familiares em desespero ao saberem das mortes de reclusos em prisão da venezuela
Bandeira da Venezuela
Tragédia em prisão da Venezuela
Tragédia em prisão da Venezuela
Familiares em desespero ao saberem das mortes de reclusos em prisão da venezuela
Bandeira da Venezuela
Tragédia em prisão da Venezuela
Tragédia em prisão da Venezuela
Familiares em desespero ao saberem das mortes de reclusos em prisão da venezuela
Bandeira da Venezuela
Instalaram-se na Madeira cerca de 3000 portugueses vindos da Venezuela, segundo um levantamento feito por diferentes entidades da região, adiantou hoje o presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque.

"Temos um levantamento feito ao nível da Madeira, pelos serviços de educação, de apoio de saúde e do emprego também. Temos cerca de 3.000 pessoas que regressaram à Madeira que regressaram da Venezuela", disse à agência Lusa em Londres, durante uma visita à comunidade madeirense na capital britânica.

Tem sido dado apoio "na medida do possível", nomeadamente através dos serviços regionais de saúde e da educação, com jovens a serem integrados na escola e a serem acompanhados ao nível da língua, ajuda com documentação e assistência ao nível do Instituto do Emprego

"A esperança é que a situação melhore na Venezuela", vincou.

A crise política, económica, social e humanitária causou uma deterioração da vida na Venezuela e, consequentemente, uma migração em massa de venezuelanos, entre os quais muitos emigrantes portugueses.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)