Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Obesidade: cirurgia reduz um terço do peso em pacientes

Técnica reduz o apetite e a capacidade de absorver gorduras. Por outro lado, aumenta a sensação de saciedade nos obesos.
Francisca Genésio 3 de Junho de 2018 às 09:06
Laparoscopia
Luísa Maria
Laparoscopia
Luísa Maria
Laparoscopia
Luísa Maria

Demora cerca de uma hora e é feita através de laparoscopia - uma técnica minimamente invasiva, que utiliza a tecnologia (câmara de vídeo) e uma fonte de luz para visualizar as estruturas anatómicas intra-abdominais, através de pequenas incisões.

A operação tem como objetivo, além da redução de peso, devolver aos doentes obesos qualidade de vida, mas também alterar comportamentos. A cirurgia bariátrica, através do minibypass gástrico derivado, permite reduzir "cerca de um terço do peso durante um ano", explicou o cirurgião Rui Ribeiro, da Clínica de Santo António, na Amadora.

A técnica garante melhores resultados do que as anteriores porque "conjuga as vantagens do minibypass como a excelente perda de peso, boa tolerância alimentar e uma das vantagens do bypass gástrico em Y de Roux, que controla perfeitamente o refluxo gastroesofágico", garantiu o cirurgião.

No procedimento, a equipa corta uma porção do estômago e liga-o a um ponto 'estratégico' do intestino delgado. A operação reduz o apetite e a capacidade de absorção de gorduras e aumenta a sensação de saciedade.

Embora possa ser considerada uma intervenção simples, a operação obriga a que os doentes tenham alguns cuidados no pós-operatório. "Durante as duas primeiras semanas só podem ingerir líquidos. Na terceira, podem começar a adicionar ao plano alimentar alimentos com consistência mole e só na quarta semana é que introduzem os sólidos, ainda que nas doses recomendadas", disse Rui Ribeiro.

Conselho da semana
A obesidade é responsável por originar várias doenças como a hipertensão, a diabetes, entre outras. O primeiro passo, quer para tratar, quer para prevenir a obesidade, deve ser sempre o controlo do consumo de calorias. Os especialistas recomendam uma dieta rica em frutas, legumes, verduras, fibras e água. Opte também por comer em menor quantidade e mais vezes ao dia. Pratique exercício físico regularmente.

O meu caso
"Quero perder peso para ir aos museus com os netos"
Luísa Maria, de 69 anos, foi mãe pela primeira vez aos 33 anos e, desde então, nunca mais conseguiu recuperar a forma física. "O problema foi no último parto, tive um afastamento do osso púbico com a dilatação e fiquei seis meses sem andar, nunca recuperei do peso todo que ganhei, pelo contrário, continuei a engordar", contou a arquiteta.

Foi uma amiga de Luísa Maria, recentemente sujeita à cirurgia bariátrica, que a convenceu a ser operada. "Ela inscreveu-me na consulta sem eu saber. Era isto que eu precisava, faltava-me coragem. Só quero perder peso para poder ir aos museus com os meus netos", disse Luísa Maria.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)