Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

“Como assim juntaram-se todos no Natal?”: Médica de Cascais arrasada no combate à Covid-19 questiona portugueses

"Esta terceira vaga está a rebentar com isto tudo", afirma Ana Isabel Pedroso, que mostrou marcas após os turnos.
Correio da Manhã 9 de Janeiro de 2021 às 14:57
Ana Isabel Pedroso é médica no hospital de Cascais
Ana Isabel Pedroso é médica no hospital de Cascais
Ana Isabel Pedroso é médica no hospital de Cascais
Ana Isabel Pedroso é médica no hospital de Cascais
Ana Isabel Pedroso é médica no hospital de Cascais
Ana Isabel Pedroso é médica no hospital de Cascais
Uma médica do hospital de cascais está a dar que falar nas redes sociais após se mostrar completamente arrasada após os extenuantes turnos, com marcas na cara, tudo em nome do combate à Covid-19.

Ana Isabel Pedroso tem sido uma das profissionais de Saúde na linha da frente desde início da pandemia em Portugal e, através das redes sociais, partilhou um texto em que deixa várias críticas aos portugueses que não acatam as regras e restrições, assim como deixa várias questões.

"Quem me conhece sabe que de depressiva e alarmista não tenho nada. Pelo contrário, sou uma mulher de fé, convicções, caminhos e decisões. Quando quero uma coisa, coitada da coisa. Eu queria acreditar que 2020 estava no passado. Mas a verdade é que estamos a viver o 2020+1", começa por dizer a médica, explicando que "esta terceira vaga está a rebentar com isto tudo".

"É o somatório do: estamos exaustos de trabalhar nestas condições + os doentes não param de chegar+ não há vagas para todos + abre mais camas que retiras a outros serviços + não tens descanso que te reponha a energia + o trabalho aumenta a olhos vistos + o trabalho são vidas humanas + tu és humana também!", escreve Ana Isabel Pedroso, que em seguida questiona uma série de situações com as quais não concorda.

"Como assim um Hospital com a porta da urgência fechada?? Como assim não se fala só nisso?? Como assim há uma população que o SNS não lhe consegue dar resposta?? Como assim juntaram-se todos no Natal?? Como assim há festas ilegais?? Como assim escolher a quem dar um ventilador?? Como assim ligar todos os dias a familiares e ouvi-los chorar ao telefone?? Como assim as pessoas que batiam palmas na varanda enquanto eu estive dois meses sem tocar nos meus filhos?? Como assim está tudo bem e arco-íris??", termina a médica na publicação.
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Cascais Covid-19 Ana Isabel Pedroso questões sociais política autoridades locais defesa migrações
Ver comentários