Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
8

Condenado professor que ofendeu aluno

O professor de Música de Santarém que disse "entra lá, ó preto!" a um aluno, em Janeiro de 2008, foi ontem condenado a uma pena de multa de mil euros, por um crime de injúria.
22 de Maio de 2010 às 00:30
Teresa Canelas, mãe do menor
Teresa Canelas, mãe do menor FOTO: João Nuno Pepino

O tribunal deu como provado que António Reis, professor na Escola Mem Ramires, proferiu a expressão sem respeito pela dignidade do menor, então com 12 anos, que ficou muito perturbado com o episódio.

No mesmo processo, a mãe do aluno, Teresa Canelas, foi absolvida da acusação de difamação agravada. António Reis apresentou queixa contra a mulher por se considerar ofendido na sua honra pelas entrevistas que a mulher deu à Comunicação Social.

No entanto, o juiz Antunes Gaspar considerou que Teresa Canelas agiu no "interesse legítimo" de expor publicamente um caso ao qual os órgãos da escola não estavam a dar andamento.

Ver comentários