Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Conheça os primeiros bebés de 2018

Letícia e Sara nasceram à meia-noite. Primeiro menino chama-se Pedro e nasceu na Guarda.
Ana Isabel Fonseca, Liliana Rodrigues e Alexandre Salgueiro 2 de Janeiro de 2018 às 01:30
Sara nasceu em Vila Franca de Xira
Letícia nasceu no Porto
Pedro nasceu na Guarda
Benjamim nasceu em Braga
Verónica nasceu em Viseu
Arina nasceu em Coimbra
Alícia nasceu no Barreiro
Maria nasceu nas Caldas da Rainha
Madalena nasceu em Leiria
Afonso nasceu em Portalegre
João nasceu em Santarém
Sara nasceu em Vila Franca de Xira
Letícia nasceu no Porto
Pedro nasceu na Guarda
Benjamim nasceu em Braga
Verónica nasceu em Viseu
Arina nasceu em Coimbra
Alícia nasceu no Barreiro
Maria nasceu nas Caldas da Rainha
Madalena nasceu em Leiria
Afonso nasceu em Portalegre
João nasceu em Santarém
Sara nasceu em Vila Franca de Xira
Letícia nasceu no Porto
Pedro nasceu na Guarda
Benjamim nasceu em Braga
Verónica nasceu em Viseu
Arina nasceu em Coimbra
Alícia nasceu no Barreiro
Maria nasceu nas Caldas da Rainha
Madalena nasceu em Leiria
Afonso nasceu em Portalegre
João nasceu em Santarém
Letícia tem poucas horas de vida, mas já luta pela sua sobrevivência. Nasceu com apenas 27 semanas no primeiro dia do ano, à meia-noite em ponto. O parto, que ocorreu no Centro Materno Infantil do Norte, no Porto, estava apenas previsto para março. A bebé pesa 860 gramas e mede pouco mais de 34 centímetros. Vai ter de permanecer na unidade de saúde pelo menos dois meses e meio. 

"Foi estranho porque nunca tinha visto um bebé prematuro, mas com o tempo vamos habituar-nos certamente e temos confiança de que tudo vai correr bem. O primeiro dia do ano terá a partir de agora um significado muito especial", conta Filipe Silva, pai de Letícia, e que tem já um outro filho de oito anos.

A mãe de Letícia estava internada há uma semana no hospital de Guimarães, uma vez que a família reside em Vizela. No domingo à tarde, Juliana Lopes, de 34 anos, foi transferida para o Porto, mas o objetivo era atrasar o parto o máximo de tempo possível, o que não aconteceu.

Um minuto depois do nascimento de Letícia ocorria um outro parto. Pedro Lucas Soares nasceu com 3,585 quilos na maternidade do Hospital Sousa Martins, na Guarda. "Esta foi a melhor Passagem de Ano de sempre. O parto correu bem e a família está extremamente feliz", afirma o pai, Filipe Soares, que é enfermeiro, tal como a mulher, Maria Lucas.

Já em Braga, Benjamim foi o primeiro bebé a nascer. "Nunca pensei que pudesse ser ele um dos bebés do ano, mas acaba por ser uma particularidade bonita para ele, no futuro", explicou Susana Martins, mãe do menino que pesa 3,055 quilos e se junta à irmã, Violeta, de dois anos.

Sara foi a primeira a nascer em 2018 na Grande Lisboa
Na zona da Grande Lisboa, Sara foi a primeira a nascer, no hospital de Vila Franca de Xira, com 2,205 quilos. "Foi mesmo à meia-noite, até foi cronometrado", conta Graça Anes, a enfermeira responsável pelo bloco de partos.

"Foi muito desejada. Começámos a namorar em 1998, casámos em 2008 e a Sara nasce em 2018", conta a mãe, Marta Martins, de 36 anos. "Foram momentos únicos", acescenta o pai Cláudio, de 38 anos. O parto foi induzido porque a bebé não estava a desenvolver-se bem, mas agora Sara está de excelente saúde.

Verónica foi a primeira no São Teotónio de Viseu
"Ouviu as 12 badaladas e quis nascer. Foi rápido", diz Vanessa Guerra, de 33 anos, que ontem de madrugada deu à luz a Verónica - nasceu com 2,610 quilos e 45 centímetros. "É uma casa de mulheres", diz orgulhoso o pai, António Santos, de 32 anos.

Primeiro bebé do ano em Coimbra é filho de imigrantes
Arina é a segunda filha de um casal ucraniano residente em Oeiras. Acabou por nascer em Coimbra, na Maternidade Bissaya Barreto. Os pais, Dmytro, de 46 anos, e Olena Bereketa, de 39, ficaram radiantes. "Foi o melhor presente de Ano Novo".

Madalena tem o nome escolhido pela irmã Francisca
Madalena Bile Cotrim nasceu às 00h30, no hospital de Leiria, de parto normal, com 2,925 quilos e 47 centímetros. Foi a irmã, Francisca, de sete anos, que escolheu o nome, contam os pais, Joana Bile, 35 anos, e Tiago Cotrim, 32 anos. A família reside em Leiria.

Mãe passou de ano ainda em casa e depois deu à luz
João Cardoso foi o primeiro bebé a nascer no hospital de Santarém, às 01h47. A mãe, Jessica Cardoso, ainda passou o Ano Novo em casa, em Alcanena, mas o pequeno deu sinais de querer nascer rápido. "O parto foi bastante difícil", disse a mãe ao CM.

Afonso é o primeiro alentejano e nasceu em Portalegre
Afonso Vaqueiro foi o primeiro alentejano de 2018. Chegou perto da hora de almoço, com 3,120 quilos, na maternidade de Portalegre, e é o primeiro filho de Raquel Godinho, 30 anos, e de David Vaqueiro, 26. A família reside em Castelo de Vide.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)