Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Conservatório Nacional sujeito a obra de 10 milhões de euros

Arranque dos trabalhos está dependente de luz verde por parte do Tribunal de Contas.
João Saramago 12 de Fevereiro de 2019 às 08:58
Conservatório Nacional vai para obras por um período de 18 meses de acordo com o previsto no contrato
Edifício que alberga o Conservatório Nacional
Conservatório Nacional
Conservatório Nacional
Conservatório Nacional vai para obras por um período de 18 meses de acordo com o previsto no contrato
Edifício que alberga o Conservatório Nacional
Conservatório Nacional
Conservatório Nacional
Conservatório Nacional vai para obras por um período de 18 meses de acordo com o previsto no contrato
Edifício que alberga o Conservatório Nacional
Conservatório Nacional
Conservatório Nacional
O Conservatório Nacional, em Lisboa, aguarda o visto prévio do Tribunal de Contas para o arranque das obras de requalificação, com um custo na ordem dos 10 milhões de euros, avançou esta segunda-feira o ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, tendo o contrato de empreitada sido já assinado.

O procedimento do concurso estipula um prazo de 18 meses para a conclusão dos trabalhos, com um custo de 10,5 milhões de euros, valor acrescido de IVA. A requalificação do edifício levou à instalação provisória neste ano letivo dos 800 alunos na Escola Secundária Marquês de Pombal, em Lisboa, por um período de dois anos.

O projeto prevê que o Conservatório Nacional ganhe um novo andar, destinado a salas de aulas, cantina e estúdio de dança. Serão instalados novos sistemas de aquecimento e de eletricidade e a estrutura será reforçada.

Em Viana do Castelo, onde visitou as escolas Frei Bartolomeu dos Mártires e de Barroselas, Tiago Brandão Rodrigues divulgou que arrancam na segunda-feira as obras da escola secundária do Monte de Caparica (Almada).

Também a Secundária Gago Coutinho, em Alverca (Vila Franca de Xira) será sujeita a obras nos próximos dias. Mais atrasada está a concretização do projeto na escola Vieira de Araújo, Vieira do Minho.

PORMENORES 
Antigo convento
O Conservatório está instalado no antigo Convento dos Caetanos, erguido em 1653 e parcialmente destruído no terramoto de 1755.

1836
foi o ano em que, com a extinção da ordem religiosa dos Teatinos, o Conservatório passou a ocupar o edifício.

Quatro áreas
O Conservatório formou várias gerações em teatro, cinema, dança e música. Foi reestruturado em 1983.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)