Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Corte nas horas reduz serviço

O Serviço de Atendimento a Situações Urgentes (SASU) do Centro de Saúde de Paredes vai deixar de funcionar até à meia-noite de segunda a sexta-feira. Em causa estão ordens da ARS Norte para cortar nas horas extraordinárias dos profissionais. A decisão, que entra em vigor a partir de dia 15, desagrada a médicos e enfermeiros. Por não ser compensador monetariamente, estes profissionais ameaçam mesmo deixar de trabalhar no SASU, o que deverá levar ao seu fecho total.
3 de Julho de 2010 às 00:30
Serviço passa a funcionar entre as 20h00 e as 22h00
Serviço passa a funcionar entre as 20h00 e as 22h00 FOTO: Roberto Bessa Moreira

O serviço vai passar a funcionar apenas duas horas por dia, entre as 20h00 e 22h00, transformando o Hospital de Penafiel na única alternativa para as populações de Paredes, Penafiel e Paços de Ferreira .

Segundo o Agrupamento dos Centros de Saúde (ACES) do Vale do Sousa Sul, a redução de horário "é uma imposição da Administração Regional de Saúde [ARS] do Norte" com o objectivo de diminuir o número de horas extraordinárias pagas aos médicos.

A medida está a causar grande incómodo entre os médicos, enfermeiros e pessoal auxiliar. Os profissionais alegam que deixa de ser compensador trabalhar duas horas por dia. "Contrariamente ao que a lei obriga, não nos pagam subsídio de deslocação", explica ao CM um dos profissionais afectados. Se todos optarem por abandonar o serviço, podem inviabilizar o seu funcionamento.

O vice-presidente do ACES do Vale do Sousa Sul, Baptista Pereira, confirma esta possibilidade. "O trabalho no SASU conta como horas extraordinárias e os médicos só podem fazer 200 por ano. A alternativa a esta medida é daqui a algum tempo encerrar completamente o SASU por falta de médicos", afirma. Por outro lado, sublinha que o número de utentes já não justifica que o serviço se prolongue até às 24h00. "As pessoas têm de procurar assistência durante o dia e não à noite", sustenta.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)