Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

"Desilusão ou fraude": Capital do Natal em Algés deixa visitantes revoltados

Aquilo que prometia ser a maior feira de Natal alguma vez vista em Portugal é já considerada uma fraude por quem a visita.
Correio da Manhã 2 de Dezembro de 2019 às 18:12
Desilusão ou fraude: capital do Natal em Algés deixa visitantes revoltados
Desilusão ou fraude: capital do Natal em Algés deixa visitantes revoltados
Desilusão ou fraude: capital do Natal em Algés deixa visitantes revoltados
Desilusão ou fraude: capital do Natal em Algés deixa visitantes revoltados
Desilusão ou fraude: capital do Natal em Algés deixa visitantes revoltados
Desilusão ou fraude: capital do Natal em Algés deixa visitantes revoltados
A capital do Natal em Algés, que arrancou na passada sexta-feira, está envolta em polémica depois de dezenas de visitantes espanhóis terem reportado a "fraude" que foi a visita ao que prometia ser a "recriação da Lapónia".

O Canal Extremadura, de Espanha, dá conta de milhares de reclamações de visitantes que consideram o parque temático como um "grande golpe".

"Tapetes sem neve, atrações fechadas, terreno degradado", são algumas das críticas que se podem ler naquele meio.

Segundo o mesmo meio, várias agências de viagens de Espanha já estão a cancelar as reservas feitas até então. Por outro lado, a União dos Consumidores assume que está a receber centenas de reclamações.

Através do Facebook, uma visitante refere que grande parte das barracas estavam fechadas e que a suposta neve prometida é uma espécie de "massa branca", que, misturada com a areia do local dá uma impressão de "lama". A mesma visitante diz ainda que a roda gigante, que prometia ser a maior da Europa, é mais pequena que a que está no centro de Lisboa.



O bilhete de família tem um custo total de 88 euros e é proibida a entrada de comida ou bebida no recinto.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)