Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
3

Dez mentiras da atualidade

Dia 1 de abril cumpre-se a tradição e conta-se uma mentira. O mais provável é o recetor desconfiar. Um pouco por todo o mundo, assume-se este dia como 'desculpa' para contar uma inverdade. E existem algumas que persistem no tempo.
1 de Abril de 2013 às 08:00

Hoje em dia quase ninguém escapa a uma mentira inofensiva e poucos são os que resistem a pregar uma ou outra aos amigos no dia 1 de abril, o dia em que tradicionalmente já se pergunta 'Mas é mesmo verdade?'.

Tudo começou há quase 500 anos. A tradição de criar alguma fantasia nasceu no século XVI, em França, numa altura em que o novo ano tinha início a 25 de março e as festividades duravam até ao primeiro dia de abril. Em 1564, o rei Carlos IX decidiu adotar o calendário gregoriano e alterar o início de cada novo ano para 1 de janeiro, como ainda atualmente se mantém. Os franceses resistiram à mudança e continuaram a festejar em março. Mas, por brincadeira, alguns aficionados do novo calendário começaram a enviar aos mais conservadorse convites para festas inexistentes. A moda pegou e duzentos anos depois migrou para Inglaterra, conquistando o mundo.

Dez mentiras que são contadas atualmente.

1 – Trabalhe em casa e fique rico.

É uma das mais utilizadas, mas não apenas no dia das mentiras. Naturalmente que quase ninguém ficará rico a trabalhar em casa. Muitas vezes esta expressão é utilizada em esquemas, mais ou menos sinuosos, que até podem trazer algum retorno financeiro mas nunca a riqueza anunciada.

2 – Pague em prestações sem aumento de preço.

Mais uma mentira muito utilizada nos tempos que correm. As pessoas esquecem-se que o preço indicado já contempla a possibilidade das prestações e a margem de lucro está no preço final.

3 – Produtos de dieta têm menos calorias.

Os alimentos ‘diet’ não são menos calóricos apenas por não conterem muito açúcar. Na verdade são muito mais calóricos que os normais, pois possuem mais gordura. Um grama de gordura tem 9 calorias, enquanto um grama de açúcar tem apenas 4 calorias.

4 – A Amazónia é o pulmão da Terra.

Este título deveria ser atribuído às algas marinhas pois são elas as responsáveis por produzirem a maior parte do oxigénio que circula na nossa atmosfera: cerca de 55%. A vegetação terrestre das florestas e bosques tem uma percentagem de 45% de importância nessa produção. As algas, assim como as árvores, também consomem oxigénio, mas numa quantidade bem menor. A superfície do planeta terra é coberta em 70% por mares e oceanos, portanto, é justo dizer que o pulmão esteja no mar.

5 – O Evereste é a maior montanha do Mundo.

É verdade que a montanha tibetana tem uma altura de 8.848 metros. Mas, acaba por ser pequena se a compararmos com o vulcão havaiano Mauna Kea. Ora, se do mar sobressaem 4.205 metros, sob as águas do Oceano Pacífico estão ocultos mais 5.998 metros. Feitas as contas, da base até ao pico, mede 10.203 metros.

6 – A água tem cor e sabor

A água que consumimos não tem de fato cor nem sabor. Mas estas caraterísticas resultam do tratamento que o homem aplica para a tornar pura e própria para consumo. Tanto na água doce, como na salgada,  existem pequenas partículas que lhe conferem um tom azulado muito leve e a presença de sais e gases dão-lhe um sabor refrescante e quase doce.

7 – A baleia azul é o animal mais longo

É verdade que cientistas já encontraram baleias azuis com 33 metros. Mas este cetáceo tem concorrência. Na verdade, o verme Lineus longissimus tem em média o mesmo comprimento e pode chegar até aos 40 metros.

8 – Com este seguro pode ficar tranquilo.

A conversa mais utilizada pelas companhias de seguros para venderem apólices. Mas no final, acaba por se revelar uma das maiores mentiras já que quase nunca a tranquilidade chega sem umas quantas chamadas telefónicas e outras tantas visitas ao mediador.

9 – Dormir ao lado de plantas é perigoso

É verdade que as plantas consomem oxigénio e libertam dióxido de carbono, também conhecido como anidrido carbónico, que é prejudicial para a saúde. Mas fazem-se em quantidades tão reduzidas, que seria preciso dormir ao lado de uma verdadeira floresta num local hermeticamente fechado para que fosse realmente prejudicial.

10 – A centopeia tem cem patas

Até existem piadas em torno das cem patas da centopeia. Mas na realidade, o animal não tem esse número exato, existindo uma variação que pode ir dos 15 aos 191 pares.

dia mentiras 1 de abril tradição hábitos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)